cachorro-obeso

Obesidade do seu PET

cachorro-obeso

Com cães e gatos cada vez mais próximos das rotinas de seus donos, os pets se tornam reflexos das pessoas que vivem ao seu redor. A obesidade humana, que já é considerada uma epidemia mundial e uma questão de saúde pública, tem se tornado cada vez mais frequente também nos animais de estimação, em um cenário preocupante.

Os hábitos alimentares ruins, o sedentarismo, castração, fatores genéticos e distúrbios endócrinos são alguns dos principais fatores que levam os animais ao sobrepeso, de acordo com veterinários. O animal é considerado obeso quando se encontra 15% acima do peso ideal, sendo facilmente identificado através da pesagem, inspeção visual e palpação de tecido adiposo. As costelas não são palpáveis e não é possível visualizar a cintura; além disso, os animais obesos tornam-se sonolentos, intolerantes aos exercícios e ao calor e apresentam respiração ofegante.

Assim como no ser humano, nos animais a obesidade também está associada à predisposição para diversas doenças, como esclarece a médica veterinária Ana Paula Có Lisboa, da Nutriave Alimentos. “O risco é iminente para doenças musculoesqueléticas, distúrbios cardiovasculares, dermatopatias, lipidose hepática em felinos, comprometimento da atividade reprodutiva, aumento dos riscos cirúrgicos e anestésicos, dentre outros. Além disso, a obesidade pode promover a queda da competência imunológica e, enfim, ter como efeito a diminuição da expectativa de vida de cães e gatos”, lista.

Diagnóstico possibilita o tratamento da obesidade em pets

A veterinária lembra também a importância de acompanhar a saúde do pet após a identificação do distúrbio. Além do exame físico completo, o animal obeso deve passar por uma série de exames complementares laboratoriais, incluindo hemograma, urinálise, exames bioquímicos e hormonais, para que seja possível estabelecer diagnósticos diferenciais, avaliar o estado geral do animal e investigar a possibilidade de outra doença concomitante.

Por esses motivos, a identificação do sobrepeso é motivo de alerta imediato e deve vir acompanhada da busca de soluções o mais breve possível. O veterinário é o profissional capacitado a identificar as causas envolvidas e estabelecer metas para reverter o quadro o mais rápido possível. “Após descartar doenças que levem a essa condição corporal, é importante instituir também um plano de emagrecimento junto ao profissional capacitado, objetivando mudanças de hábitos e comportamentos”, destaca Ana Paula.

matéria retirada de http://www.folhavitoria.com.br

Whats App (21) 98479-2939 ou Tel.: (21) 3297-2939 / 2201-7331.
Visite nossa página no facebook.
#shoppingdosbichos #saúdepet #mamãespet #contecomoshoppingdosbichos #petlovers #catlovers #doglovers #euamomeupet #apaixonadosporpets

SETEMBRO VERMELHO

SETEMBRO É O MÊS DO CORAÇÃO!

SETEMBRO VERMELHO

A dirofilariose é uma doença causada pelo parasita Dirofilaria immitis, popularmente chamado de “verme do coração” por se alojar em átrio/ventrículo direitos e artéria pulmonar. Causa alterações endoteliais que resultam em dilatação, tortuosidade e obstrução dos vasos pulmonares, gerando hipertensão pulmonar, podendo haver insuficiência cardíaca congestiva direita.

Animais acometidos podem ser assintomáticos, apresentar tosse ocasional ou freqüente, intolerância a exercícios, síncope e sinais de ICC direita.

O diagnóstico pode ser feito através de testes de sangue diretamente no consultório e/ou através de exames laboratoriais, radiografia torácica e eventualmente pelo ecocardiograma. O tratamento deve ser feito por um médico veterinário cardiologista.

Dirofilariose tem prevenção através de vermífugos mensais ou pela aplicação de Pro-Heart anual.

Cuide de quem você ama, nós do Shopping dos Bichos contamos com a especialidade de cardiologia e trabalhamos com o Pro-Heart, o que vai ajudar você a cuidar do seu pet.

Whats App (21) 98479-2939 ou Tel.: (21) 3297-2939 / 2201-7331.
Visite nossa página no facebook.
#shoppingdosbichos #saúdepet #mamãespet #contecomoshoppingdosbichos #petlovers #catlovers #doglovers #euamomeupet #apaixonadosporpets

*Este texto foi escrito pela Drª Nathália Pereira – Médica Veterinária dos Shopping dos Bichos.

dog-walking

O QUE É UM DOG WALKER?

manypets

Driblando a “crise” mundial, o mercado pet é um dos únicos em crescimento, contanto com mais de 52 milhões de cães no Brasil e uma movimentação de mais de $100 bilhões anuais em todo mundo. A concorrência para o mercado conhecido é enorme e na maioria das vezes quem domina o mercado são grande redes ou grupos que formam praticamente um cartel.
Porém, nesse mercado agressivo, temos alguns setores pouquíssimos explorados e muito novos, que nos da a chance de ingressarmos em um mercado “novo” e pra lá de prazeroso.

O QUE FAZ UM DOG WALKER

Dog Walker ou Passeador de Cães é o profissional que conduz passeios de cães, como o próprio nome diz, porém o que exatamente o profissional faz? A necessidade/atividade do profissional é muito fácil de entender, quer ver? De todos os cães que você conhece, quantos latem em exagero, latem para outros cães, choram, são obesos, são agressivos, são anti-sociais ou são descontrolados?

Esses “desvios” e MUITOS outros são geralmente relacionados ao acumulo de energia, ou seja o cão não se exercita suficientemente bem, e esse problema atinge praticamente todos os cães, e caso sua casa não possua alguns quilômetros de terreno, independente da raça e tamanho do seu cão, o território para ele se exercitar é pequeno. Os Passeios não são apenas uma forma de consumir energia mas também são benéficos para saúde mental do animal.

O Passeador irá ensinar o cão a controlar sua ansiedade, a não dar atenção para outros cães, a socializar etc… Dito isso é fácil concluir que um Dog Walker Profissional precisa de uma carga de conhecimento grande, não só para compreender e corrigir os desvios comportamentais dos cães mas também para evitar, não causar e para saber controlar situações inesperadas durante os passeios e exercícios.

Matéria retirada de Família 4 patas

Whats App (21) 98479-2939 ou Tel.: (21) 3297-2939 / 2201-7331.
Visite nossa página no facebook.
#shoppingdosbichos #saúdepet #mamãespet #contecomoshoppingdosbichos #petlovers #catlovers #doglovers #euamomeupet #apaixonadosporpets

AGO.15 - DIA DA GESTANTE

Dia da gestante

AGO.15 - DIA DA GESTANTE

Dia 15 de agosto se comemora o dia da gestante e – assim como em humanos – cadelas e gatas precisam de cuidados específicos durante a gestação. O acompanhamento da gestante e um cuidado pré-natal adequado estão intimamente relacionados ao nascimento de filhotes sadios e à redução da mortalidade neonatal.

A gestação de cães e gatos varia entre 58 e 66 dias. Trata-se de um período em que os donos devem se cercar de cuidados com a fêmea gestante, garantindo um parto seguro e oferecendo bem-estar para a mamãe e os filhotes. É o momento de evitar que erros nutricionais, tratamentos inadequados e doenças que possam determinar problemas para as mamães e os filhotes.

Acompanhamento pré-natal

Um acompanhamento pré-natal feito por um médico veterinário, portanto, é de extrema importância e deve ser iniciado desde o acasalamento até o desmame dos filhotes, o que resultará em uma gestação tranquila e um parto bem-sucedido.

Entre suas atribuições, o profissional tomará os seguintes cuidados: alimentação adequada, controle parasitário e vacinação. Além disso, exames como ultrassonografia e exames de sangue poderão ser realizados com objetivo de avaliar a gestação, o número de filhotes e a viabilidade dos fetos.

Cuide de quem você ama, nós do Shopping dos Bichos contamos com médicos veterinários que vão ajudar você a cuidar do seu pet.

Whats App (21) 98479-2939 ou Tel.: (21) 3297-2939 / 2201-7331.
Visite nossa página no facebook.
#shoppingdosbichos #saúdepet #mamãespet #contecomoshoppingdosbichos #petlovers #catlovers #doglovers #euamomeupet #apaixonadosporpets

*Este texto foi escrito pela Drª Nathália Pereira – Médica Veterinária dos Shopping dos Bichos

Veterinary for cats, dogs and other pets concept

Dia do cardiologista

Veterinary for cats, dogs and other pets concept

Dia 14 de agosto é comemorado o dia do cardiologista e no universo da medicina veterinária, cada vez mais, estão surgindo profissionais especializados, como já ocorre na medicina humana.

Neste cenário há médicos veterinários que se dedicam exclusivamente a cardiologia, sendo responsáveis pelos cuidados com o coração e pulmão de cães e gatos, oferecendo chances maiores de tratamento e qualidade de vida nos animais portadores de doenças cardíacas e respiratórias. A cardiologia veterinária dispõe de uma série de ferramentas importantes que lhe permite realizar exames e definir diagnósticos de maneira precoce para a indicação de um tratamento adequado.

O diagnóstico das doenças cardíacas e pulmonares são de profunda importância, pois são enfermidades que debilitam e diminuem a qualidade e o tempo de vida do paciente.

E, o que queremos para os nossos pacientes (principalmente os geriátricos) é o conforto e a alegria de viver sem mal estar e dor! Animais diagnosticados precocemente e tratados corretamente, conseguem viver com mais qualidade de vida e com uma maior sobrevida.

Cuide de quem você ama, nós do Shopping dos Bichos contamos com a especialidade de cardiologia que vai ajudar você a cuidar do seu pet.

Whats App (21) 98479-2939 ou Tel.: (21) 3297-2939 / 2201-7331.
Visite nossa página no facebook.
#shoppingdosbichos #saúdepet #especialidadesvet #cardiovet #contecomoshoppingdosbichos #petlovers #catlovers #doglovers #euamomeupet #apaixonadosporpets

*Este texto foi escrito pela Drª Nathália Pereira – Médica Veterinária dos Shopping dos Bichos

manypets

Programa “Puppy Skills Brasil”: Aulas para filhotes

manypets

O QUE É?

É um programa de sete aulas, para um grupo de 4 a 6 filhotes e seus donos. O objetivo é simplificar a educação do filhote para os donos. Serão trabalhadas diversas habilidades (skills) necessárias para o filhote aprender a conviver da melhor forma com o mundo que o cerca.

Os donos aprenderão a incorporar o ensino em cada momento ao lado do filhote. Desse modo, além de mais fácil para ambos, também permitirá ao filhote praticar e aprender a escolher os comportamentos apropriados para cada situação do cotidiano.

As aulas constituem atividades de sociabilização e educação do filhote, que são essenciais na prevenção de problemas de comportamento. Também serão abordados exercícios básicos de adestramento, exposição dos filhotes a situações cotidianas e interações entre eles.

PARA QUEM É INDICADO?

Filhotes com até cinco meses de idade que já tenham recebido a segunda dose da vacina múltipla (V8 ou V10) e que estejam livres de verminoses. Também é necessário que os filhotes tenham recebido a aplicação de antipulgas. O exame coproparasitológico negativo e carteirinha de vacinação devem ser apresentados no momentos da inscrição.

Continue lendo Programa “Puppy Skills Brasil”: Aulas para filhotes…

Shelter-Pet-Adoption

Vai adotar ou comprar? Saiba como receber um filhote em casa!

Shelter-Pet-Adoption

O Dr. Marcelo Quinzani, do Hospital Veterinário PET CARE, participou do programa Terra Pet junto com o adestrador Ricardo Tamborini e da Ana Dantas, da Rede Solidária Você Feliz. Nessa entrevista, você pode conferir dicas sobre como preparar a casa para o novo membro da família, como escolher a espécie (cão, gato ou outro animal de estimação) ideal para você e qual é a raça que melhor se adapta ao espaço que você tem.

Confira abaixo a entrevista na íntegra:

Continue lendo Vai adotar ou comprar? Saiba como receber um filhote em casa!…

pohthedogsbigadventure

Casal leva cão doente para uma aventura nos EUA

pohthedogsbigadventure

Texto extraído de Revista Marie Claire
Depois do seu cachorro Poh receber um diagnóstico terminal, Neil Rodriguez, que mora em Nova York, decidiu que iria passar 7 semanas incríveis ao lado do seu animal de estimação. O DJ viajou por 35 cidades dos Estados Unidos e levou o cão para visitar pontos marcantes. O registro foi feito no Instagram @pohthedogsbigadventure, que já tem mais de 85 mil seguidores.
Poh, que hoje tem 15 anos, foi adotado por Neil com apenas 8 semanas. Recentemente, ele começou a adoecer, sofrendo com vários tumores e insuficiência renal. “Eles me diziam que não sabiam quanto tempo de vida ele ainda tinha, mas que poderiam ser dias. Ele poderia morrer a qualquer momento”, contou ao “New York Daily News”.
Foi então que o DJ resolveu fazer uma aventura e cruzar os Estados Unidos ao lado do cão. “Queria viver o máximo com ele.” Em março ele tinha uma apresentação em Arizona, para onde decidiu levar o Poh e sua noiva com ele. “Eu não queria deixar o meu cão sabendo que ele poderia morrer.”

No total foram percorridos cerca 12 mil quilômetros e visitadas 35 cidades, incluindo pontos como Times Square, Hollywood, Golden Gate Bridge etc. Já faz 3 meses que ele descobriu a doença do cachorro e ele ainda está vivo. “Por causa disso, a aventura ainda não parou”, disse. Neil contou que quando sua esposa retornar do japão, talvez os 3 façam uma viagem rápida para Miami.